Anunciar| Tabela de Preços| Enviar Notícia
continuar conectado

Vírgula, membro do PCC, é preso em Poços
Poços de Caldas|policiais|28/05/2011|Views (2870)
Um dos maiores traficantes de drogas de Mogi Mirim, André Luiz Fértil, o Vírgula, 35, foi preso em Poços de Caldas (MG), na quarta-feira, 25. A ficha de Vírgula é extensa. Segundo a polícia de Mogi Mirim, ele seria o responsável pelo tráfico de drogas da Zona Norte de Mogi, membro do PCC (Primeiro Comando da Capital), e atualmente estava sendo investigado pela promotoria de Mogi Mirim por associação ao tráfico (veja o box).

Segundo informações, da Polícia Militar de Poços, ele acabou detido em uma blitz de trânsito, no centro da cidade mineira. Por volta das 9h40, um Gol, de cor prata, placas FYG-2020, de Mogi Mirim, conduzido por Vírgula, na companhia de uma passageira desconhecida, foi parado pelos policiais militares. Como não estava com a documentação obrigatória do carro, ele foi obrigado a aguardar enquanto era realizada uma pesquisa no sistema.

Vírgula, que tinha mandato de prisão decretado em Mogi, aproveitou uma distração dos PMs e tentou fugir. Ele foi perseguido pelos policiais que o capturaram em um cruzamento bem próximo ao local da blitz, onde recebeu voz de prisão por desobediência. Ao retornarem, a passageira que estava com o traficante, pulou para o banco do motorista e fugiu do local.

Os policiais realizaram um bloqueio, mas a comparsa do traficante conseguiu escapar.

Quando a PM mineira entrou em contato com Mogi Mirim, descobriu que havia um mandado de prisão contra André Luiz Fértil expedido pela juíza Cláudia Regina Nunes. Vírgula então foi preso e enviado à Delegacia de Poços. Vírgula já cumpriu várias condenações por tráfico.



Faltam Dois: Japonês e Gordão

Vírgula, considerado o chefão do tráfico de drogas da Zona Norte de Mogi, já cumpriu condenação por tráfico de drogas entre o final da década de 1990 e início do ano 2000. Foi preso em abril de 2006 em Alfenas (MG), por associação ao tráfico. Voltou a ser preso em 2007, e cumpriu pena em Iaras (SP). Até o começo deste ano, ele estava em liberdade condicional, mas passou a ser considerado foragido, já que teve seu nome novamente ligado ao tráfico.

O promotor de Justiça de Mogi Mirim, Rogério Filócomo Júnior, explicou que Vírgula estava escondido em Poços de Caldas porque teve sua prisão decretada em Mogi, por associação ao tráfico com outros integrantes do PCC, que foram presos recentemente, como Daniel Formagari dos Santos, o Prego, e Valdeci Gomes, todos do ‘alto-escalão’ do PCC, além de Nilton César da Silva Jacinto, o China.

Porém, o promotor esclarece que mesmo morando na cidade mineira, ele acredita que Vírgula estaria coordenando as ações do tráfico na cidade. Agora, com sua prisão, restam apenas dois integrantes do PCC de Mogi Mirim, que estão foragidos: Gustavo Bernardes da Silva, o Japonês, e Jeová Rodrigues da Silva, o Gordão. Para ajudar nas investigações, Filócomo ressaltou que o Ministério Público tem um número para receber denúncias anônimas. É o telefone 3806-5123.

As informações são do site www.jcmogi.com.br

c,i
[187.74.70.145]

30/05/2011 13h41
deveria existir um numero para denunciar trafico de unfluencia tambem alquen sabe se existen esse tipo de serviço
Anônimo
[201.88.128.138]

30/05/2011 13h56
Final de linha, e curva de rio é isso mesmo, tudo que nào presta enrosca por ali.
Anônimo
[187.19.7.10]

27/11/2011 22h19
Este comentário foi bloqueado por violar as regras
 
comentarcomentário
500
caracteres
Faça seu login para ter acesso
a todas as funções.
Ainda não tem um login? Registre-se agora!
seu nome
cidade
  
 
Os comentários estão sujeitos às regras de colaboração.